Meia Maratona Eu Amo Recife - 9a Edição


Sobre a Meia Maratona Eu Amo Recife - 9a Edição, a consideração é sobre o caos que causa no trânsito da cidade. O trânsito da cidade já está no limite, basta uma paradinha de carro, um carroceiro, etc, para gerar o caos nas vias de transporte.


Diante deste contexto, um iluminado resolve desenhar um itinerário para uma meia maratona que atravessa a cidade, a ser realizada em pleno sábado a noite. Então, aconteceu que as ruas principais foram bloqueadas, o que jogou o trânsito de veículos para ruas secundárias, pouco conhecidas, escuras, em áreas desérticas e perigosas, sem balizamento e policiamento. Um verdadeiro perigo. Nesse momento, lembrei do lema da maratona e passei a questioná-lo.


Bom, uma solução era colocar os atletas para correr nessas ruas secundárias e liberar as vias principais para os veículos. Outra solução, seria trocar o horário do evento (início às 5h da manhã de Domingo, por exemplo), de modo gerar menos transtornos. Uma terceira solução, era elaborar um itinerário menos prejudicial ao trânsito, mesmo que fosse fora da cidade.


A pergunta que fica é: Como alguém em sã consciência planeja algo assim ou autoriza?